sábado, 31 de julho de 2010

O homem que se encontrou com seu anjo da guarda

Será possível uma pessoa manter contato físico com seu anjo de guarda? O atual superintendente do Centro Internacional de Negócios (CIN/CE) da Federação das Indústrias do Estado do Ceará, tem certeza de que essa pergunta tem resposta afirmativa. Ele foi testemunha de uma experiência que, certamente, jamais esquecerá.

Nome de respeito e de credibilidade na sociedade cearense, Eduardo acaba de lançar o livro "Inferno e Céu - Desafio à Inteligência", um mergulho em diversos livros, principalmente os evangelhos que descrevem a palavra de Jesus em sua época.

Ele esteve hoje em meu programa de rádio na Povo_CBN falando sobre a tese que defende de maneira admirável no livro editado pela Prêmius e as concepções de 40 anos de pesquisa e estudos, utilizando-se dos seus conhecimentos de hebraico e grego para entender a Bíblia. Mas foi o que ele me contou ao sair do estúdio o que mais me chamou a atenção.

Ao saber que sou espírita, doutor Eduardo - como sempre o tratei desde os tempos de estagiário de jornalismo na redação de O Povo quando ia fazer cobertura na Febem que ele presidiu em 1979 -, me contou ter vivido uma experiência que a Ciência classifica como paranormal e que os seguidores da doutrina codificada de Kardec tratam-na como mediunidade.

Ele estava em SP a procura de um ônibus que o levasse a Bienal do Livro mas não sabia qual veículo tomar. Nisso, um homem surge, pára diante dele e diz com firmeza: "Você quer ir a bienal e deve ir a uma rua ali ( apontou a direção ) e ao dobrar vai encontrar um ônibus parado. Entre e ele vai lhe levar até lá". E sumiu inesperadamente de sua vista.

Doutor Eduardo ficou atônito. Não manifestara o destino a tomar e, de repente, aquele ser surgia com a resposta. Ele foi e encontrou um ônibus parado como se lhe aguardasse. Entrou e ele o levou ao local.

Todos os livros, a presença de autores famosos, a programação variada do evento paulista, nada foi tão surpreendente quanto aquele encontro. Para esse bacharel em Direito e Ciências Econômicas, com Master of Science na Universidade do Arizona (EUA), ele tem certeza de que ali estivera ao lado do seu anjo da guarda. "Guia, como dizem vocês", acrescentou.

Telefonei ao meu querido irmão Luciano Klein, presidente da Federação Espírita do Estado do Ceará, para narrar esse fato curioso e ele me conta da excelência não só deste caso, que ele já tomara conhecimento através do próprio Eduardo, mas de outras experiências vivenciadas por esse membro da família de Bezerra Menezes, fatos que provam que a Vida não se restringe aos planos do nosso exígüo conhecimento.