segunda-feira, 13 de maio de 2013


Lições

espelho meu, meus escritos


Há ensinamentos virtuosos que, embora traduzidos por centenas de vozes, nem sempre encontraram ouvidos para celebrar seu porto.

Alguns dizem respeito à necessidade de sermos mais práticos; afinal, teoria só alimentada e realimentada, acaba resvalando para o paiol do esquecimento.

Amar a todos é a lição mais importante. Não matar é a mais providencial. Os que matam o corpo ainda são menos culpados do que os aniquilam a excelência da alma.

Ajude a cada um, da maneira como você puder. Alimente-os de  esperança, fazendo acreditar que a Vida é boa. Preciso é doar-se. E viver a vida dos outros para que a sua resplandesça de Luz.  

Não espere que o faminto lhe chegue a subtrair toda a dispensa de  alimentos, quando de forma preventiva uma côdea de pão bastaria para
saciar a necessidade dele.

Não se preocupe demasiadamente com o amanhã, quando o hoje ainda nem
terminou e exige de teu esforço apenas tua firme presença. 

Como achar difícil perdoar uma ofensa, se tu mesmo reza todos os    dias “o Pai Nosso” e pede ao Pai misericordioso perdão pelas tuas falhas?

Não construa teu mundo à base de superficialidades; as traças do tempo são especialistas em corroer tudo o que está ligado ao transitório.

Aprenda a ter disciplina espiritual, a fim de que em torno de ti floresçam sempre as flores da virtude do Bem. O perfume exalado por elas, é de invulgar qualidade.

Consolar apenas os que detém tua amizade próxima, não significa tanto quanto estender ao desconhecido a tua gentileza de ajuda. 


Antes de qualquer oração em busca de paz, procura em tua mente se alguém que tu prejudicastes não poderia estar rezando de forma contrária  à tua rogativa.

Lembra que nascestes destinado a despertar tuas virtudes maiores; elas adormecem no íntimo de teu coração. Ilumina-o, com o exercício do providencial Amor.

Santos e devocionados não são apenas os que foram alçados à majestade dos altares, mas todos aqueles que no altar da Vida sabem  manter ativamente viva a chama do Bem.

Que os virtuosos, se revelem. Que os bondosos, se expressem. Que os justos, se justifiquem. Deus é o criador de tudo e quer de volta todos  os que saíram de sua magnífica presença. 


de NONATO ALBUQUERQUE