domingo, 22 de março de 2015

DO AMOR QUE HOJE TEMOS

Eu te quero mais ainda do que antes
Que pensasses que na vida existia
alguém que vivesse a todo instante
celebrando teu amor com essa alegria.

Tu me amas, muito embora tão distante,
mas tão perto dessa crença desse dia.
Te confio a minha alma suplicante
a ser tua em meio à glória ou agonia

No passado, quando em dias não serenos,
fomos, tu e eu, inimigos tão vorazes;
quantas chances de viver o bem perdemos.

Mas longe das diatribes e dos pequenos
impulsos da alma, somos mais capazes
de reconhecer o amor que hoje temos.