quarta-feira, 24 de agosto de 2016

A LISTA (ou o próximo da chamada)

A LISTA 

depois de ouvir Tom Barros

Um amigo, ao saber da morte de mais um contemporâneo seu, 
comentou meio desconcertado: "é, estamos todos nessa lista; 

uns mais próximos da chamada, embora, às vezes, os mais novos
acabem indo primeiro do que os ditos preferenciais..."


Em verdade, em verdade vos digo; desde a hora de nascido,
até o dia dela vir, todos temos os nomes grafados nessa lista.
Uns, porque já combinaram em sair mais cedo, vão sumindo;
outros, porque se preservaram vão ficando, enganando o tempo.

Só sei dizer quando for a hora da chamada de meu nome 
eu quero estar bem esperto, pra não dar trabalho a quem fica 
e muito menos perder a festa de chegada do lado de lá de lá.

Aos que temem que, na lista, a sua vez seja abreviada, 
façam como Matusalém: vivam, trabalhem e amem 
sem a preocupação de que seu nome seja o próximo da lista.