domingo, 29 de março de 2020

El hombre de la cruz

¿Quién es este rey
Qué hay en nuestro mundo?
Sufrió mucho, yo se
en un sacrificio profundo

hablam que llama Jesús
hijo de un carpintero
que nos envió la luz
para todo el mundo entero

pero si es como se cuenta
¿porqué sacrificio tal?
incluso muerto, él está vivo
la muerte non el final

el ordena en otros mundos
de dimensiones espirituales
donde alcanzan los ojos
de los grandes magistrales

pero quien siguió el consejo
que dejó por los caminos
sera también es espejo
a muchos otros destinos.

desde el tiempo em que pasó
Hasta hoy, El es presente
dispensó ensenanzas
a nosotros penitentes

nombre sagrado del hombre
 que murió en la cruz
nadie tiene el quilate
de este divino Jesus

sábado, 28 de março de 2020

MANTRA 2020

Não tenha medo, 
tudo passa. 
Logo o temporal 
ameaçador  
nem saudade será
em nossa lembrança, 

Não tenha medo, 
tudo passa. 
O novo dia 
trará a luz 
derramando-a 
sobre tudo e todos.

A cidade do medo 
que hoje se recolhe 
revela é coragem 
de superar a luta 
e coroar-se mais tarde. 

Por isso, tranquiliza-te,
e repete com teu anjo 
o aprimorado mantra 
de não ter medo,
já que tudo passa. 

sábado, 21 de março de 2020

O VÍRUS E O CRISTO


Desfaça tudo o que havia sido planejado.
A ida à missa aos domingos.
Levar às crianças ao parque,
Vagar pelas ondas na praia.
Nem ao barzinho tomar um chope gelado.

Retire da cabeça essa ideia amalucada
De que tem que sair para o trabalho.
Levar o filho à escola, visitar à mãe idosa.
Nada disso é mais possível.
É preciso ficar em casa. E ela ficar trancada.

Há um bicho furioso lá fora, deste tamaím.
Pequeno, microscópico, que nem se avista.
Pois o bicho tá matando as pessoas
Deixando atormentadas outras milhares.
É preciso estar seguro até que se ponha fim.

O melhor que tem a fazer, enquanto isso ocorre
É cuidar da casa. Da família, da sua nobre vida.
- Mas tenho que ir comprar pão!
Ligue não. Faz tapioca. Come outra coisa.
É preciso ficar em casa. Senão a vida morre.

Mas, apesar de toda essa pandemia, acredite
Não entre em pânico. Basta ficar tranquilo.
Em casa você está seguro com álcool em gel.
Ou água e sabão que é algo mais em conta
Do que cair na ganância dos incautos, evite!

- E quando isso vai passar – me pergunta você.
E eu sei lá! Estou todo ligado na tecnologia.
Só se fala desse coronavírus, é pandemia.
Mas eu estou lendo cada livro interessante.
Entre eles o que faz minha alma se enriquecer.

Vou estar rezando sim. Pela minha e pela sua alma.
Rosário nas mãos pedindo a Maria, o socorro.
Sei que ela é mãe piedosa e não nos faltará.
Se o filho dela venceu a morte, o que dirá um vírus
Por isso nele eu tenho fé e toda essa calma. 

Faça alguma obra humanitária. Reze. Vê se faz isto.
E logo mais a gente só vai ter notícia desse fato
Nos livros de história. Nas efemérides do passado.
Porque somos filhos do Altíssimo.
E ele nos deu por irmão, seu filho amado. O Cristo.



PANDEMIA


Resultado de imagem para logo do coronavírus 
A voz do grande mestre, no mundo ainda ecoa
Por entre ouvidos surdos que se mostram ausentes
Convidando à mudança para que toda pessoa
venha enfrentar as crises no mundo já presentes.

O tempo que é de provas, rapidamente escoa
Maturando ideias novas entre os que agora crentes
Convivem temerosos com a força que se amontoa
Entre pessoas isoladas até de seus parentes.

A pandemia convulsiona o mundo inteiro
Cresce o medo que vai do pequeno ao grande.
Vírus terrível assim nunca jamais foi visto.

É hora de mudança e nela se faz primeiro
A consciência do bem para que o mal abrande 
E se vença a tormenta com as lições do Cristo.

domingo, 1 de março de 2020

SOMOS O QUE NÃO SOMOS

somos filhos das consequências 
do conluio de nossos pais 
dos ensinos de nossos mestres 
e das paixões que nos engendram. 

somos carnes de nossos espíritos 
vestimentas de outros corpos
somos a cara e a coragem 
dos medos muitos que temos 

quem pensar que somos isso 
que a cara mostra, engana-se 
somos muitos em nós mesmos 

por isso, somos idas e vindas 
de tantas mil existências 
nós somos o que não somos. 

A SÁBIA ESSÊNCIA DE QUEM NÃO CONTA IDADE