domingo, 28 de abril de 2019

O VALOR DA FELICIDADE

O VALOR DA FELICIDADE

A felicidade é companheira minha,
quando, em certas horas, ela se revela.
Tem aparência, às vezes, de louca procela;
noutras, o voo calmo de uma andorinha

Quando chega assim, expansiva e bela,
traz consigo a flor do bem que a ela se alinha;
mas dura pouco e quando vai, sozinha
deixa a alma inquieta e louca se rebela

Por que será que a vida nossa só entende
de conviver mais com coisas da maldade
se o que é do bem tão rápido nos deixa?

Um anjo bom nos diz, assim a gente aprende
a dar valor maior a tal felicidade
e agradecer mais ao invés de fazer só queixa.